As notícias mais relevantes desta quinta-feira para você formar sua opinião sobre a pauta socioambiental
Se você não consegue ler esta mensagem, acesse https://manchetes.socioambiental.org/ para visualizar em seu navegador
08/12/2021 | Ano 21
As notícias mais relevantes desta quinta-feira para você formar sua opinião sobre a pauta socioambiental
DIRETO DO ISA
Projetos de infraestrutura herdados da ditadura militar ativam invasões em terras indígenas com isolados
Segundo relatório do ISA, desmatamento disparou durante a pandemia nas terras Jacareúba-Katawixi (AM), onde acontece a pavimentação da BR-319 e Pirititi (RR), por onde deve passar o Linhão de Tucuruí
ISA e Rede de Sementes do Xingu lançam o filme em realidade virtual Fazedores de Floresta
Assista à live realizada ontem com participação de Milene Alves, Oreme Ikpeng e Bruna Ferreira (Rede de Sementes do Xingu), Rodrigo Junqueira e Guilherme Pompiano (ISA), José Luiz (Fazenda Cristo Rei) e Maria Gadú (cantora e ativista socioambiental). Veja como foi!
POVOS INDÍGENAS
MPF pede suspensão imediata de licença concedida pelo Ibama para construção do linhão de Tucuruí
O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça Federal a anulação da licença de instalação emitida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) que autorizou o início efetivo da construção do linhão de Tucuruí. A ação civil pública requer também que União, Ibama, Fundação Nacional do Índio (Funai) e Transnorte Energia se abstenham de emitir licenças de instalação, dar autorizações ou praticar qualquer ato administrativo no processo do empreendimento antes do consenso e do acordo com a comunidade Waimiri Atroari acerca da proposta de compensação por ela apresentada em todos os seus termos, bem como das garantias para seu cumprimento
MPF, 07/12.
BELO MONTE
Belo Monte abala a saúde mental de ribeirinhos
Moradores expulsos de suas casas com a inundação para construção da hidrelétrica provoca traumas sociais até hoje não reparados; Clínica do Cuidado, do IP-USP, pede que não seja renovada licença de operação da usina
Amazônia Real, 08/12.
MINERAÇÃO EM TERRAS INDÍGENAS
MPF suspeita que atos de Heleno buscam preparar terreno para mineração em terra indígena
Integrantes do MPF (Ministério Público Federal) suspeitam que as autorizações do ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno, para pesquisa de ouro em uma das áreas mais preservadas da Amazônia buscam preparar terreno para a mineração em terras indígenas, proposta defendida pelo presidente Jair Bolsonaro. A suspeita de procuradores da República que atuam na região amazônica, ouvidos pela Folha sob condição de anonimato, se deve ao fato de Heleno ter permitido o avanço do garimpo num lugar onde há predominantemente terras indígenas e também pela característica dos empreendimentos, que envolvem pesquisa, prevista no projeto de lei enviado por Bolsonaro ao Congresso em 2020
Yahoo.com, 08/12.;FSP, 07/12, Ambiente.
JUSTIÇA CLIMÁTICA
Proteja Talks: jovens em defesa da justiça climática são destaque na 3ª edição
É com a premissa de reverberar as vozes de jovens lideranças que atuam no combate à crise climática por meio de suas identidades e de seus territórios que a 3ª edição do Proteja Talks será realizada no próximo dia 9 de dezembro, a partir das 16h (horário de Brasília), pelo canal do Portal Proteja no YouTube. Cinco jovens ativistas ambientais brasileiros irão compartilhar suas histórias de inspiração e de resistência pela justiça climática em um bate-papo ao vivo com o público conectado. É a partir desse entendimento que a 3° edição do Proteja Talks traz a temática “E aí, bora entrar no Clima?”, com o intuito de convidar mais jovens a se aproximarem das pautas da emergência climática, conforme explica Tainá Aragão, integrante do conselho consultivo da iniciativa Proteja pelo Instituto Socioambiental (ISA)
IPAM, 07/12.
UNIDADES DE CONSERVAÇÃO
Derrubamos o anonimato de quem desmatou em unidades de conservação
Revelamos na edição anterior que o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO), órgão federal responsável por proteger as unidades de conservação da União, obteve um “aval”, em 2019, que permitia censurar o acesso a qualquer dado de pessoas ou empresas autuadas por infrações ambientais. A alegação era de que tais informações seriam pessoais e sem interesse público. Nós derrubamos esta decisão por meio de recursos administrativos à Controladoria-Geral da União e conseguimos abrir a base de dados de 2009 a 2021, que pode ser acessada aqui. Foram incluídos nome completo dos autuados e CPF parcial, em acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados
Fiquem Sabendo, 06/12.
POLÍTICA AMBIENTAL
Servidores denunciam militarização de concurso público para Ibama e ICMBio: muitos “soldados” e poucos gestores
O governo federal lançou editais para concursos públicos do Ibama e ICMBio na semana passada. Serão contratados 136 servidores para os cargos de analista ambiental e administrativo e 432 para o cargo de técnico ambiental no Ibama. Já no ICMBio serão 61 novos analistas e 110 novos técnicos. Servidores ambientais alertam, porém, para a lógica de militarização do concurso – tanto em relação à discrepância em relação ao conteúdo das provas quanto na contratação de poucos gestores – e denunciam o fato de regiões mais carentes de profissionais não serem contempladas nos editais. Concurso para ICMBio ignora estado com 20 mil garimpeiros ilegais
Regra dos Terços, 06/12.
MUDANÇAS CLIMÁTICAS
Pesquisas colaborativas entre Brasil e China são estratégicas para combate às mudanças climáticas
Nos próximos anos, pesquisadores da China e do Estado de São Paulo poderão investigar juntos como o Brasil e o país asiático contribuem para as mudanças climáticas e quais medidas podem ajudar a mitigá-las. Um acordo firmado em 2019 entre a Fapesp e a National Natural Science Foundation of China (NNSFC) começou a tomar corpo com a realização, no fim de novembro, do workshop “The Sinergy on Climate Change Research in China and in São Paulo". “Brasil e China estão entre os maiores países no mundo. Nossas áreas combinadas representam 12% da área terrestre do planeta
Agência Fapesp, 08/12.
Outras Noticias
Comissão debate o papel dos direitos humanos na redução das desigualdades
Carta dos Servidores Públicos Federais cobra que Presidente cumpra a missão institucional da Funai
“Eles vão morrer”: o avanço do desmatamento ameaça de extinção indígenas isolados na Amazônia
Da floresta a locais de reza, número de incêndios salta em terras indígenas
Seminário promovido pelo Correio debate desafios da economia brasileira em 2022
Professora da UNIR em homenagem ao cineasta Adrian Cowell
More onde morar, o que acontece na Amazônia afeta a sua vida
Quem mantém a Amazônia em pé é o povo da floresta
Confira as edições anteriores
Junte-se ao ISA
Clique aqui e saiba mais!
Siga-nos
ISA - Instituto Socioambiental · www.socioambiental.org
Cancelar recebimento · Sobre o ISA · Banco de notícias · Acervo · Contato